Reforço contra a Covid-19: UFLA produz e doa mais máscaras tipo face shield

08/06/2021

 

 

Mais uma remessa do protetor facial modelo “face shield” foi desenvolvida na Universidade Federal de Lavras (UFLA). O equipamento é utilizado principalmente por profissionais que atuam na linha de frente do combate à Covid-19, e oferece proteção aos olhos e rosto – e não das vias respiratórias, como as máscaras comuns; por isso, ambos são utilizados em conjunto.

O modelo foi desenvolvido por estudantes da empresa júnior Photon, do curso de Engenharia Física, com a supervisão do professor do Instituto de Ciências Naturais Jefferson Esquina Tsuchida. Para a confecção do protetor facial, foram utilizadas  placas de acrílico de 1 milímetro: “as máscaras são parecidas com aquelas que a UFLA  produziu no início da pandemia; a diferença é que o novo modelo é totalmente feito com todas as peças com corte laser, produzidas de forma muito mais rápida e com fácil higienização”, comenta o docente.

O material usado na confecção das máscaras face shield foi doado por empresas parceiras da UFLA, por meio do projeto de extensão “Desenvolvimento de soluções para enfrentamento à pandemia da Covid-19”. No total, foram produzidas 230 unidades. Parte delas será direcionada ao hospital de campanha da Unidade de Pronto Atendimento de Lavras e à Pró-Reitoria de Infraestrutura e Logística (Proinfra); as demais serão entregues ao comitê de enfrentamento da Covid-19 em Lavras, para posterior  distribuição a médicos, enfermeiros, dentistas, técnicos de enfermagem e auxiliares de saúde bucal em atuação na saúde pública do município.

Para os estudantes, a participação na fabricação das máscaras face shield contribuiu não só para a experiência da empresa júnior que está sendo criada, como também foi uma forma de participarem ativamente das ações desenvolvidas pela UFLA no enfrentamento à Covid-19. “Foi uma experiência muito gratificante poder aplicar os conhecimentos que adquirimos no curso da Engenharia Física e do software AutoCAD para ajudar no combate à pandemia. Ver nosso projeto saindo do papel e chegando às mãos dos profissionais da linha de frente nos deixa muito felizes”, relata Matheus Souza Botelho, estudante do 6º período de Engenharia Física. As entregas dos equipamentos serão realizadas esta semana.