Pescadores são presos pela Polícia Militar do Meio Ambiente de Campo Belo

06/02/2019

 

Mesmo estando no período de piracema (restrito a pesca) a Polícia Militar de Meio Ambiente tem flagrado pessoas praticando o crime de pesca em diversos momentos. Ontem (05/02/2019) foram flagrados dois indivíduos na prática de crime de pesca em local proibido no município de Campo Belo/MG.

Os autores praticam o ato de pesca em local proibido com utilização de tarrafa. O apetrecho é de uso proibido a pescadores amadores e também proibido o uso no período de defeso (piracema). Eles estavam na Cachoeira da Usina Velha e foram surpreendidos com 4kg de pescado nativo de espécie variadas.

Um dos pescadores é menor e foi acompanhado pela sua genitora durante o processo de confecção da documentação exigida e do desenrolar da ocorrência.

Foram lavrados os devidos autos de infração ambiental que somam R$ 6.108,44. Os autores foram levados à presença da autoridade judiciária. O pescado por estar impróprio para consumo humano foi descartado.

A 6ª Cia PM Meio Ambiente alerta que está intensificando as fiscalizações no Período da Piracema. Se você sabe de fatos desta natureza, entre em contato com a Polícia Militar de Meio Ambiente, através dos telefones 3829-2110 ou 3829-2123.

Denuncie os crimes ambientais, eles causam prejuízo ao capital natural e ao ser humano.

Contatos com a Polícia Militar de Meio Ambiente de Lavras pelo (35) 3829-2122 ou e-mail [email protected], [email protected]

Polícia Militar de Minas Gerais, 243 anos, cultivando valores para melhor proteger você!

Você também pode gostar