Pedido de abertura de CPI para investigar prefeito é negada pela maioria dos vereadores

12/02/2019

 

 

A maioria dos vereadores da Câmara Municipal de Lavras votou contra a instauração de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar o prefeito José Cherem. O pedido partiu do vereador Carlos Lindomar, que formalizou uma denúncia contra o chefe do Executivo.

O texto tem por base o contrato prorrogado entre o Executivo e a Autotrans, no qual, segundo o vereador, apresenta irregularidades contrárias à Lei Orgânica do Município e o Decreto Lei do Executivo.

A fim que fosse acatada pelo Legislativo, a denúncia precisaria de 12 votos favoráveis para que fosse instaurada uma comissão processante que irá investigar o caso. Como denunciante, Carlos Lindomar, foi  impedido de votar, sendo que seu suplente, Cláudio José da Silva ( Zeca do Salão), foi convocado para o ato.

Foram contra o pedido de abertura da CPI os vereadores  João Paulo Felizardo, Ennio Mendes, Dr. Sebastião dos Santos Vieira, Dr. Alessandro, Marcos Possato, vereadora Daiana Garcia (Daia Protetora), Coronel Claret, Cristiane Costa, Ubirajara Cassiano Rocha (Bira), Ti Ailton, Toninho do Raio X, Peterson Borges e Evandro Miranda (Mestre Grilo).

Se abstiveram de votar: Nanáh Ferreira, Matusalém da Silva Machado, Zeca do Salão. O único voto favorável foi do vereador  Elias Freire Filho (Lila).

 

Você também pode gostar