Lavras tem 4 casos confirmados de H1N1 – em todo país já foram mais de mil casos

Publicado em 19/04/2016
Imagem ilustrativa

A Prefeitura de Lavras divulgou no final da manhã desta terça-feira (19), o balanço semanal dos números  de Gripe Suína em Lavras.

De acordo com a  Vigilância em Saúde, foram registrados até o momento na cidade 20 notificações de casos de H1N1 . Destes, a Fundação Ezequiel Dias (FUNED) já enviou 5 laudos : 4 casos foram  confirmados, entre eles, a morte de um homem de 65 anos,  um outro caso suspeito foi descartado.Os demais casos ainda estão em fase de investigação, aguardando os resultados dos exames.

Segundo dados do Ministério da Saúde que também foram divulgados hoje (19), em todo país,  o número de mortes provocadas por H1N1 aumentou 50% em uma semana. Até o dia 9 deste mês,  153 pessoas faleceram em virtude de complicações provocadas por esse subtipo de vírus influenza. No balanço anterior, o número contabilizado era de 102 óbitos. O ritmo do aumento de casos da infecção foi semelhante. Em uma semana, os registros de pacientes com a doença passou de 686 para 1.012, o equivalente a 47%. Um caso é importado, da França. Das mortes registradas, 103 foram identificadas no Sudeste. São Paulo, sozinho, respondeu por 91 dos óbitos da região.

Ainda de acordo com o Ministério, o fato de alguns Estados terem antecipado a vacinação contra influenza entre grupos de risco, não é suficiente para interromper o ciclo da epidemia em um período tão curto. A vacina começa a ter efeitos protetores duas semanas depois da aplicação. Além disso, o principal objetivo da vacinação é evitar número de casos graves, complicações e óbitos.

* PML e Hoje em Dia

Veja também