Lavras recebe nesta quinta-feira (17), Seminário do Projeto ABC Cerrado

Publicado em 16/09/2015

Lavras será um dos quatro municípios mineiros que receberão o segundo seminário de sensibilização do Projeto ABC Cerrado em Minas Gerais. Nesta quinta-feira (17), o seminário chega a Lavras e será realizado sede do Sindicato dos Produtores Rurais, no bairro Jardim Glória, às 14h.Os interessados em participar podem se inscrever no próprio local do seminário. A expectativa é de que mais de 20 representantes de sindicatos da região participem do evento. O Projeto é uma parceria entre o Ministério da Agricultura, Embrapa, e o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar).

O tema abordado é “Produção com preservação nos campos do bioma Cerrado”, os eventos ocorrem em municípios considerados chave para a realização do ABC Cerrado. Além de Lavras, Montes Claros, Uberaba e Paracatu receberam o evento que tem como objetivo apresentar o projeto, promover a desmistificação dos conceitos e mostrar a aplicabilidade e vantagens das tecnologias de baixa emissão de carbono.

Conheça o programa

Numa ação conjunta com o Ministério da Agricultura e Embrapa, o Senar – Administração Central desenvolve o Programa ABC Cerrado. A iniciativa dissemina práticas de agricultura de baixa emissão de carbono e sensibiliza o produtor para que ele invista na sua propriedade de forma a ter retorno econômico, preservando o meio ambiente. O programa está estruturado em três etapas: seminários de sensibilização, capacitação de produtores e técnicos nas tecnologias ABC e assistência técnica a produtores rurais.

O Senar é o responsável pela formação profissional dos produtores, pela capacitação de instrutores e pelo treinamento dos técnicos que atuarão na assessoria em campo para os produtores, com foco nas quatro tecnologias ABC: recuperação de pastagens degradadas, integração lavoura-pecuária-floresta, sistema de plantio direto e florestas plantadas.

O projeto está sendo desenvolvido em oito estados do bioma Cerrado: Bahia, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Tocantins, Maranhão e Piauí. A meta, para os quatro anos do projeto, é capacitar aproximadamente 12 mil produtores rurais nos oito Estados e assistir 1.600 propriedades em Minas Gerais, Goiás, Tocantins e Mato Grosso do Sul.

* Com Assessoria de imprensa Senar Lavras

Veja também