Dez condenados no 8/1 quebram tornozeleiras eletrônicas e fogem do País

🚨 EXCLUSIVO | Ao menos 51 pessoas suspeitas de participar dos atos golpistas têm mandados de prisão em aberto ou fugiram após quebrar as tornozeleiras eletrônicas.

➡️ Entre elas, pelo menos dez militantes bolsonaristas fugiram para o exterior neste ano pelas fronteiras de SC e RS com destino a Argentina e o Uruguai. Seis fugitivas são mulheres, e a maioria é de estados do Sul (PR e SC) e do Sudeste (SP e MG). A idade média é de 50 anos.

⚖️ Sete dos fugitivos já foram condenados pelo STF a mais de dez anos de prisão por participarem de tentativa de golpe.

Fonte: Uol

Compartilhe esta notícia:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Últimas Notícias