Cemig está empenhada no restabelecimento da energia após temporal no Sul de Minas

04/02/2020
Imagem ilustrativa.

 

 

A Cemig informa que, desde a noite dessa segunda-feira (3/2), reforçou as equipes para atuar e restabelecer o mais breve possível as ocorrências na rede elétrica causadas pelas fortes chuvas que atingiram o Sul de Minas. As redes de distribuição da companhia foram danificadas por árvores, telhas, calhas e outros objetos que caíram sobre as estruturas durante o temporal de forte intensidade, com ventos de 75 km/h, que atingiu a região de Varginha, no início da noite. Na manhã desta terça-feira, equipes continuam empenhadas no atendimento às ocorrências que se encontram espalhadas em diversos bairros urbanos e também na área rural.

A empresa registrou um aumento significativo no número de atendimentos emergenciais: foram registrados dez vezes mais chamados na região, em decorrência da tempestade com rajadas de ventos e grande intensidade de descargas atmosféricas (raios). As cidades mais afetadas foram: Varginha, Carmo da Cachoeira, Bom Sucesso, Três Corações, Cambuquira, Minduri, São Vicente de Minas, Espírito Santo do Dourado, Andradas, Botelhos, Areado, Alterosa e Fama.

O engenheiro Alexon do Prado Conde, que atua como líder da Cemig na região, ressaltou que a necessidade do reforço das equipes para restabelecer o fornecimento de energia no menor tempo possível, decorre principalmente do grande número de chamados e também das dificuldades de acesso. “Em muitos locais, o trabalho fica prejudicado pela dificuldade de deslocamento de nossos veículos e acesso aos locais onde são identificados os danos à rede elétrica, devido a áreas alagadas, árvores e barreiras caídas nas vias públicas e trânsito mais lento ou congestionado nas cidades”, explica.

Alexon do Prado ressalta ainda que, “para resguardar a segurança da população, antes de religar o sistema  é necessário realizar a inspeção de uma grande extensão da linha de distribuição de energia,  para averiguar se há risco iminente de ter um cabo partido. As equipes também têm que realizar a  limpeza e retirada de árvores, galhos e objetos em conflito com os cabos de energia”.

A Cemig prioriza as situações que envolvem risco de acidentes e serviços essenciais à população, além de grandes blocos de clientes. “Em função do grande volume de ocorrências, os trabalhos de restabelecimento devem avançar ao longo desta terça-feira, com intensa atuação de técnicos e eletricistas, uma vez que a complexidade dos danos e a dispersão da área atingida demandam maior tempo na recomposição da rede. Estamos atuando para que o fornecimento de energia seja normalizado no menor tempo possível,  trabalhando de forma ininterrupta na recuperação do sistema elétrico”, complementa Alexon.

A Cemig alerta a população para não se aproximar de cabos partidos e de árvores caídas, uma vez que elas podem esconder os fios energizados da rede elétrica. Também é importante verificar se telhas, calhas e tampas de caixa d’água estão bem afixadas, para evitar que sejam lançadas pelos ventos contra a rede elétrica.