Bombeiros realizam campanha contra as queimadas

Publicado em 11/08/2015

 

 

O inverno é um período caracterizado pela escassez de chuvas, o tempo seco favorece  o surgimento de diversos problemas respiratórios além de ser um período crítico de queimadas em todo país.

Em nossa região em outros anos já foram registrados incêndios de grandes proporções e danos ambientais, principalmente em reservas e serras. Por isso, o  9º Batalhão de Bombeiros Militar da qual a 4ª  Companhia de Bombeiros de Lavras faz parte, lançou  recentemente a “Operação Seca sem Fogo” , com o objetivo de reduzir o número de incêndios que ocorrem dentro dos perímetros urbanos, principalmente em lotes vagos, onde os donos provocam o incêndio para “limpar o lote”. Outro objetivo da campanha  é evitar a ocorrência dos grandes incêndios florestais que  ocorrem nos parques e reservas, aumentando a degradação do meio ambiente que tanto lutamos para conservar.

Com a falta de chuvas e a baixa umidade relativa do ar em toda região Sul Mineira, ocorre uma seca generalizada de toda vegetação, o que facilita tanto a ignição do fogo como a propagação de incêndios. Os Bombeiros pedem a atenção redobrada de toda população, para que evitem atear fogo nos lotes, já que isso não só incomoda os vizinhos, mas contribui para um maior surto de doenças respiratórias e consequentemente, uma sobrecarga nos Sistemas de atendimento público à saúde. Em nota divulgada à comunidade, os militares ainda acrescentam que a queima de vegetação propicia o aumento de animais e insetos, como ratos, serpente, escorpiões e marimbondos nas residências, pois estes fogem do fogo para um local mais seguro. É preciso também evitar  jogar lixo nos terrenos baldios, pois embalagens metálicas e de vidros, com a incidência de raio solar, servem de ignição para os focos de incêndio. Outra preocupação da corporação é no que diz respeito  a soltura  de balões, fogos de artifício  e outros artifícios que podem provocar queimadas.

Faça sua parte e contribua para a preservação ambiental!

 

Fonte:  9º Batalhão de Bombeiros

 

Veja também