Vacinação de crianças contra gripe abaixo da meta preocupa regionais de saúde do Sul de MG

19/07/2018
Vacinação de crianças contra gripe abaixo da meta preocupa regionais de saúde do Sul de Minas (Foto: Arquivo/Susam)

Os índices de vacinação de crianças abaixo da meta estabelecida pelo Ministério da Saúde tem preocupado as regionais de saúde do Sul de Minas. Em três regionais, os números de crianças de 6 meses a 5 anos vacinadas ficaram entre 77% e 81%.

A imunização dos demais grupos prioritários ficou acima da meta de 90%. Mas a regional de saúde de Pouso Alegre, por exemplo, registrou a menor cobertura vacinal de crianças na região – 77,55%.

Confira os números:

Cobertura vacinal de crianças contra a gripe

A preocupação dos setores de saúde é a falta de vacinação todos os anos – alguns pais acreditam que uma dose já é o suficiente para proteção.

No Brasil, a constituição e o Estatuto da Criança e do Adolescente determina como obrigação dos pais e responsáveis a vacinação das crianças. O estatuto também prevê punição para quem ignorar o calendário de vacinação.

 “Passa a ser um problema de saúde pública. A partir de 2015, começamos a observar essa redução. Um dos fatores é o desconhecimento da geração atual sobre as doenças. A vacina é instrumento importantíssima no controle de doenças transmissíveis”, explica a coordenadora do setor de epidemiologia de Varginha, Roseane Silva.
Fonte: G1

Você também pode gostar