UPA realiza campanha de conscientização do “Setembro Amarelo”

13/09/2018

 

 

Neste mês de Setembro a UPA – Unidade de Pronto Atendimento busca conscientizar todos os usuários sobre os males da depressão e sobre a prevenção ao suicídio, tendo como foco principal alertar a população de que ele pode ser evitado.

Ao navegar nas redes sociais é possível encontrar símbolos, ícones, laços da cor amarela que representam a campanha “Setembro Amarelo”, porém, devido à correria do dia-a-dia, não nos atinamos a saber do que se trata ou o grau de importância desta campanha.

A Campanha “Setembro Amarelo” surgiu no Brasil pelo CVV (Centro de Valorização da Vida), CFM (Conselho Federal de Medicina) e ABP (Associação Brasileira de Psiquiatria), e realizou as primeiras atividades em 2014 concentradas em Brasília. Em 2015 já conseguiu uma maior exposição com ações em todas as regiões do país. Mundialmente, o IASP – Associação Internacional para Prevenção do Suicídio estimula a divulgação da causa vinculada ao dia 10 deste mês no qual se comemora o Dia Mundial de Prevenção do Suicídio.

O CVV – Centro de Valorização da Vida (uma das principais mobilizadoras do Setembro Amarelo) é uma entidade sem fins lucrativos que atua gratuitamente na prevenção do suicídio desde 1962.

O impacto psicológico e social do suicídio em uma família e na sociedade é imensurável. Um único suicídio pode afetar várias outras pessoas. Se um suicídio ocorre em uma escola ou em algum local de trabalho, o impacto social é devastador.

A depressão pode ser prevenida e tratada. Segundo a Organização Mundial da Saúde, 9 em cada 10 casos poderiam ser prevenidos. É necessário a atenção de todos porque falar sobre o assunto não estimula, pelo contrário, pode salvar vidas!

Hoje dispomos de vários meios de comunicação em massa e de grande alcance. Estimular o uso destas ferramentas em prol da prevenção do suicídio e da saúde em geral é formar um “laço pela vida”.

É neste contexto que a UPA investe em campanhas psicoeducativas, como o “Setembro Amarelo” e enfatiza o compromisso ético com a promoção do desenvolvimento e bem-estar da população.

É impossível prevenir todos os casos de suicídio, contudo, falar sobre o assunto, debater e entender melhor a importância de lutar contra esse problema pode fazer a diferença para quem necessita de ajuda.

Para mais informações sobre a Campanha “Setembro Amarelo” acesse: www.setembroamarelo.org.br

*Assessoria de Comunicação – Governo Municipal de Lavras

Você também pode gostar