Médico plantonista é preso por suspeita de assédio sexual a pacientes em Nepomuceno

16/04/2018

Investigação aponta pelo menos dois casos confirmados. Suspeito foi preso na Santa Casa da cidade.

Um médico plantonista foi preso na tarde deste domingo (15) suspeito de assédio sexual a pacientes em Nepomuceno (MG). As investigações da Polícia Civil apontam pelo menos dois casos confirmados do crime.

Segundo a polícia, a prisão preventiva do médico já havia sido decretada em Nepomuceno há alguns dias, mas ele não foi mais visto na cidade. Ao chegar para trabalhar na Santa Casa de Misericórdia, na tarde deste domingo, ele foi preso.

Há suspeitas de que ele tenha saído da cidade por alguns dias por perceber as movimentações da investigação. Ainda segundo a polícia, a suspeita é de que o homem teria assediado pacientes em outras cidades e se mudava quando os crimes começavam a ser descobertos.

Hoje, segunda-feira, dia 16, está marcada uma entrevista coletiva na Delegacia de Polícia Civil de Nepomuceno, o delegado Moacir de Oliveira Neto vai atender a imprensa às 14h e certamente vai revelar a identidade do médico.

Fonte: G1

Você também pode gostar