Governo de MG ainda não terminou de pagar aposentados

07/08/2018

O governo de Minas Gerais ainda não terminou de pagar aos inativos os proventos de julho, relativos ao mês anterior, até a manhã desta terça-feira (7). O estado também não informou uma nova previsão para que os valores da terceira parcela devida aos inativos sejam pagos.

O Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público de Minas (Sindpúblicos) fez nova cobrança hoje pela manhã. A última manifestação do governo aos representantes do funcionalismo davam conta de que o restante dos salário seria pago entre esta terça-feira e quarta-feira. Integrantes do governo admitiram que o pagamento dos aposentados começou ontem, com seis dias de atraso.

De acordo com o sindicato, os funcionários da educação com salários superiores a R$ 3 mil receberam o restante do contracheque nessa segunda-feira. As demais categorias ainda aguardam o dinheiro cair na conta.

Os inativos estão submetidos à mesma escala que define os pagamentos dos ativos, porém o atraso vem sendo maior para essas pessoas nos últimos meses.

Segundo as regras, quem é da segurança ou da Fhemig recebe até R$ 3 mil na primeira chamada, mais R$ 3 mil na segunda e o restante na terceira. No caso dos servidores da educação e demais categorias, as duas primeiras parcelas são de R$1,5 mil.

A última das três parcelas de julho deveria ter sido paga no dia 31 de julho. Ao pagar os funcionários da ativa, o governo divulgou nova previsão para os inativos, informando que a expectativa era concluir os pagamentos do grupo na última sexta-feira (3).

Desde ontem o Estado de Minas procura a Secretaria da Fazenda, que não deu uma resposta sobre o pagamento dos inativos.

Fonte: Portal Uai 

Você também pode gostar