Campanha do TSE para regularização de títulos de eleitor vai até 9 de maio

04/03/2018
Imagem ilustrativa

 

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou a data final do prazo para a regularização do título de eleitor. O cidadão terá até 9 de maio para resolver as pendências no cartório eleitoral e conseguir votar nas eleições de 2018. Os eleitores com deficiência também têm esse prazo para solicitar uma seção especial,que atenda suas demandas.

As questões a serem resolvidas incluem o cadastramento da biometria , transferência de domicílio eleitoral e alteração dos dados cadastrais. E para os que não votaram ou justificaram nas últimas eleições, essa é a última chance para se acertar.

Os eleitores que não votaram ,nem justificaram seus votos nas eleições passadas devem pagar as multas, no valor de R$3,51 por turno não justificado. Caso tenha passado três eleições e o eleitor não tenha feito isso, o título terá sido cancelado. Com ele cancelado, os cidadãos acabam sendo impedidos, além de votar, de tirar passaporte, fazer concursos público ou se inscrever em estabelecimentos públicos de ensino. Ademais, pedir empréstimos na Caixa econômica federal e receber o salário, no caso de funcionários públicos, também é comprometido sem o título validado. Para recuperar você deve comparecer ao Cartório eleitoral em que está inscrito, com um comprovante de residência, documento oficial original e o título de eleitor. Além disso , você terá que pagar as multas referentes a todos os turnos que deixou de votar.

Com relação às deficiências que comprometem a execução do voto, pode ser requerida uma quitação eleitoral permanente, para tornar o voto facultativo. Para isso , é necessário levar ao cartório eleitoral laudos médicos que comprovam. Essa solicitação pode ser feita pela família da pessoa em questão ou por ele mesmo.

 

*VANUFSJ