Câmara adiou votação de pacote de reformas do plano de carreira de servidores municipais    

11 de outubro de 2017

 

 

A novela sobre aprovação sobre o projeto lei do prefeito José Cherem que estabelece novas regras sobre o Estatuto e Planos de Cargos e Carreiras dos servidores públicos municipais, que deveria ser votado pela Câmara Municipal, recebeu um novo pedido de vistas do vereador Elias Freire Filho (Lila) na reunião ordinária na Câmara Municipal de segunda-feira, dia 9.

Como não cabe mais pedido de vistas, a votação decidirá de forma definitiva o futuro da categoria. O clima em plenário era de tranquilidade. Ao contrário das reuniões anteriores, não houve manifestações calorosas por parte dos servidores efetivos, defensores da não aprovação do projeto de lei, e poucos defensores da proposta, no caso, um grupo de servidores contratados pela atual administração municipal.

A Policia Militar manteve do lado de fora do prédio três viaturas com a presença de seu efetivo durante a reunião.  De forma pacifica e ordeira, o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Lavras realizou uma manifestação (foto) no local após a decisão em plenário dos vereadores.

Após assembleia realizada no último dia 6,  o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Lavras decidiu deliberar um  movimento grevista por tempo indeterminado a partir desta segunda-feira, dia 16, em face  do posicionamento adotado pela atual administração.

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Lavras afirmou que serão mantidos 30% dos serviços essenciais do município.