‘Água Mineral Cambuquira’ pode estar contaminada

9 de abril de 2009

Esgoto de residências lançado in natura no bosque do parque de Cambuquira pode ter contaminado as tradicionais fontes de água mineral da cidade.

A denúncia é do vereador Fabrício dos Santos Simoni (PTB) que, no ofício de n° 040/2009 da câmara local, pede providências urgentes à prefeitura para canalização de parte danificada do esgoto no bairro da Figueira.

“A rede de esgoto estourou levando todo o detrito para a mata, colocando em risco o lençol das águas minerais. O risco de contaminação é potencial, podendo ocorrer a qualquer minuto”, alerta o documento.

A parte baixa do bairro da Figueira é uma ocupação ilegal em área preservada de manancial das fontes de águas minerais. O ambientalista Helmut Kappel, da agência Environmental Tupy, avalia que ao promover eventos populares no local, a prefeitura estimula indiretamente o uso irregular da reserva.

O técnico adverte que “a anunciada montagem no Figueiras de um palco oficial do centenário da cidade em maio próximo, por exemplo, poderá ser entendida pelos grileiros como uma homologação informal da invasão”.

  Agência Brasil